top of page

Enterprise Value vs. Equity Value

Enterprise Value (EV) e Equity Value (ou Market Capitalization) são duas métricas financeiras que avaliam uma empresa, mas elas representam perspectivas diferentes.


Para entender a diferença entre Enterprise Value e Equity Value, precisamos primeiro entender a composição do valor de uma empresa.


O valor de uma empresa é composto por Capital Próprio (Equity) + Capital de Terceiros (Debt). Veja a ilustração abaixo:

O Capital Próprio (E) se refere ao valor das ações da empresa e o Capital de Terceiros (D) se refere ao valor da dívida.


Agora vamos entender a definição e como se chega ao Enterprise Value e ao Equity Value.


Enterprise Value (EV):

  • Definição: O Enterprise Value representa o valor total de mercado de uma empresa, levando em consideração tanto o capital próprio (equity) quanto o endividamento líquido.

  • Fórmula: EV=MarketCapitalization+TotalDebt−CashandCashEquivalents

  • Interpretação: O EV reflete o valor teórico que seria necessário para adquirir a empresa, levando em conta o custo de aquisição de todas as ações e a liquidação de todas as dívidas.


Equity Value (ou Market Capitalization):

  • Definição: O Equity Value representa o valor total de mercado do capital próprio da empresa, ou seja, o valor total das ações emitidas pela empresa. Também é chamado de Valor na Ótica dos Acionistas.

  • Fórmula: EquityValue = EnterpriseValue - NetDebt.

NetDebt (Dívida Líquida) = Total Debt - CashandCashEquivalents (Dívida total - Caixa e Equivalentes).

  • No caso de empresas de capital aberto, o Equity Value pode também ser encontrado através da seguinte fórmula:

EquityValue = NúmerodeAçõesEmitidas x PreçoporAção

  • Interpretação: O Equity Value é o valor de mercado das ações da empresa, já descontados a parcela de endividamento líquido da companhia.


Em resumo, enquanto o Equity Value se concentra no valor de mercado das ações, o Enterprise Value leva em consideração o valor de mercado das ações e o endividamento líquido, proporcionando uma visão mais abrangente do valor da empresa do ponto de vista de um potencial comprador. O EV é frequentemente usado em transações de fusões e aquisições, pois reflete o custo total de aquisição de uma empresa.



Entender bem a diferença destes dois fundamentos é de suma importância na realização de Valuation de Empresas, pois o preço pago por em uma aquisição de uma empresa não é necessariamente o quanto a empresa foi avaliada. Caso a empresa possua dívidas, o preço total pago por uma empresa será o preço pago aos acionistas da empresa adquirida + o endividamente líquido da companhia que foi assumido pelo comprador.


Quer se tornar um especialista em Valuation? Acesse https://www.manapratica.com/

Comments


bottom of page